Facebook planeia cabo submarino para reforçar conectividade em África

Facebook planeia cabo submarino para reforçar conectividade em África

16/05/2020 0 Por Redacção

O continente africano é o que tem acesso mais precário à internet, com apenas 325 milhões de pessoas (de um total de cerca de 1.3 mil milhões) a poderem ter acesso fiável à rede mundial. Têm sido vários os esforços para levar conectividade para África, que há 30 anos apenas tinha acesso à internet por satélite, e o Facebook planeia construir um cabo submarino que parte do Reino Unido, pára em Portugal, contorna todo o continente africano com paragens nos países costeiros e termina na Europa, ligando-se a Itália, França e Espanha.

O cabo submarino 2Africa terá cerca de 37 mil quilómetros de comprimento, que é quase o tamanho da circunferência da Terra. O Facebook espera que este cabo tenha o triplo da capacidade total das soluções que já levam internet a África, fornecendo alguma redundância e fiabilidade, e levando à melhoria de outras tecnologias como o 4G e o 5G. Este investimento enquadra-se numa série de desenvolvimentos promovidos pela rede social, que já tinha trabalhado para a melhoria das infraestruturas tecnológicas da África do Sul, do Uganda, da Nigéria e da República Democrática do Congo.

Se gostou deste artigo, pode acompanhar o TechFive no Google News aqui. Dúvidas ou sugestões? techfive@techfive.pt